PRODUÇÃO ACADÊMICA Repositório Acadêmico da Graduação (RAG) TCC Nutrição
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/529
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: Frequência de dificuldade alimentar em crianças e seus fatores associados
Título(s) alternativo(s): Frequency of feeding difficulty in children and their associated factors
Autor(es): Lopes, Michelly Molés Brito
Camozzi, Aída Bruna
Primeiro Orientador: Camozzi, Aída Bruna
metadata.dc.contributor.referee1: Brasileiro, Aline Alves
metadata.dc.contributor.referee2: Gomes, Nair Augusta Almeida
Resumo: Objetiva-se com esse estudo identificar a frequência da dificuldade alimentar entre crianças de um a cinco anos de idade residentes em Goiânia, bem como e seus fatores associados. Trata-se de um estudo transversal realizado com pais adultos por meio de questionário on line estruturado, cujo link foi partilhado pelas redes sociais, com questões que avaliaram características demográficas, escolaridade materna, comportamento alimentar da criança e atitude dos pais em relação à alimentação do filho, esses últimos baseados na versão adaptada ao português do Child Eating Behaviour Questionnaire e do Comprehensive Feeding Practices Questionnaire . Foram analisados dados de 84 crianças das quais, 54,7% do sexo feminino, 30% apresentaram dificuldade em alimentar, identificando-se comportamento de neofobia e seletividade e os alimentos mais rejeitados foram legumes, verduras e mandioca. Não foi verificada, nessa amostra, correlação entre a dificuldade alimentar e tempo de gestação, idade e nível de escolaridade da mãe, período de aleitamento materno e de introdução da alimentação complementar e verificando-se apenas correlação entre a dificuldade alimentar e ordem de nascimento, sendo a relação considerada verdadeira para filhos únicos. Muitos pais apresentaram atitude de estímulo à alimentação saudável e por outro lado atitudes coercitivas e permissivas, oferendo recompensas e punições na tentativa de estimular a alimentação. Conclui-se que os hábitos alimentares parentais influenciam muito nas preferencias das crianças, por isso, é importante que eles se alimentem de forma saudável, façam boas escolhas alimentares, e mostrem às crianças a importância desses bons hábitos para a saúde e qualidade de vida.
Abstract: The objective of this study is to identify the frequency of eating habit difficulties among children from one to five years old living in Goiania, as well as its associated factors. This is a cross-sectional study conducted with adult parents through a structured online questionnaire, the link of which was shared on social media, with questions that assessed demographic characteristics, maternal education, child's eating behavior and the parents' attitude towards the child's eating habits, the latter based on the Portuguese adapted version of the Child Eating Behavior Questionnaire and the Comprehensive Feeding Practices Questionnaire. Data from 84 children were analyzed, of which 54.7% were female. 30% showed eating difficulties, identifying neophobia and selective behavior. Most rejected foods were legumes, manioc and vegetables. In this sample, it was not verified the correlation between eating difficulty and time of gestation, age and level of education of the mother, period of breastfeeding and introduction of complementary feeding. It was only verified the correlation between eating habits difficulty and birth order, this relation being considered true for only childrens. Many parents showed an attitude of encouraging healthy eating habits and, on the other hand, coercive and permissive attitudes, offering rewards and punishments in an attempt to stimulate eating. We conclude that parental eating habits greatly influence children's preferences, so it is important that they eat healthy, make good food choices, and show children the importance of these good habits for a healthy and good quality way of life.
Palavras-chave: Comportamento alimentar
Criança
Preferências alimentares
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da Instituição: PUC Goiás
metadata.dc.publisher.department: Escola de Ciências Sociais e da Saúde
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/529
Data do documento: 9-Dez-2020
Aparece nas coleções:TCC Nutrição

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Frequência de dificuldade alimentar em crianças e seus fatores associados.pdf278,61 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.

Ferramentas do administrador