PRODUÇÃO ACADÊMICA Repositório Acadêmico da Graduação (RAG) TCC Ciências Biológicas - Bacharelado
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/445
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: ANÁLISE GRANULOMÉTRICA DE SEDIMENTOS FLUVIAIS NA BACIA DO RIO DAS ALMAS, GOIÁS
Autor(es): Amui, Cristiane de Oliveira
Primeiro Orientador: Garro, Francisco Leonardo Tejerina
metadata.dc.contributor.referee1: Garro, Francisco Leonardo Tejerina
metadata.dc.contributor.referee2: Rubin, Julio Cezar Rubin de
metadata.dc.contributor.referee3: Nascimento, Rhuâna Thayná Barros
Resumo: As bacias hidrográficas apresentam em sua composição uma importante fração mineralógica representada em parte pelos sedimentos, os quais fornecem informações geomorfológicas da região hidrográfica a ser analisada. Este estudo teve como objetivo quantificar a granulometria dos sedimentos amostrados em trechos de diferentes cursos de água da bacia do rio das Almas, Goiás, Brasil Central. As amostras foram secas, destorroadas e peneiradas utilizando-se um conjunto de peneiras granulométricas de diferentes malhas (2 mm, 1 mm, 500 μm, 250 μm e 106 μm) escolhidas seguindo a escala de Wentworth-Udden. A massa (g) retida por cada malha foi pesada com uma balança de precisão; as medições da massa foram analisadas estatisticamente por meio de uma ANOVA a dois fatores comparando-se os tamanhos dos grânulos retidos pelas malhas granulométricas e por sub-bacia, bem como a interação entre ambos fatores. O teste de ANOVA indicou diferenças estatísticas entre as médias de malhas granulométricas, sub-bacias e a relação entre ambas. Os grânulos de 2 mm estão em maior massa de sedimento nas sub- bacias Rio dos Bois, Rio verde e Rio Vermelho, os de 250μm nas sub-bacias Rio das Almas e Rio do Peixe, os de 500μm nas sub-bacias Rio Pari, Rio São Patrício, Rio Sucuri e Rio Uru e os de 106μm no Rio Vermelho. De forma geral as maiores médias e medianas de massa granulométrica corresponderam às malhas de 2mm, 250μm e 500μm, que retém grânulos de areias muito grossas, grossas e médias, respectivamente. Esta predominância pode estar relacionada ao transporte de sedimentos, os sedimentos intermediários são retidos enquanto os finos são transportados pela correnteza.
Palavras-chave: Rio dos Bois
Rio Verde
Rio Vermelho
sedimento fino
sedimento grosso
bacia Tocantins-Araguaia
CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::GEOCIENCIAS::GEOMORFOLOGIA::HIDROGEOGRAFIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da Instituição: PUC Goiás
metadata.dc.publisher.department: Escola de Ciências Agrárias e Biológicas
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/445
Data do documento: 27-Nov-2020
Aparece nas coleções:TCC Ciências Biológicas - Bacharelado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Cristiane de Oliveira Amui.pdf880,46 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.

Ferramentas do administrador