PRODUÇÃO ACADÊMICA Repositório Acadêmico da Graduação (RAG) TCC Medicina
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/2195
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: A fadiga e suas manifestações em estudantes de medicina: uma revisão integrativa
Autor(es): Silva, Isabela Lôbo da
Oliveira, Lisa Araújo Rocha de
Primeiro Orientador: Almeida, Rogério José de
metadata.dc.contributor.referee1: Bastos, Gabriela Cunha Fialho Cantarelli
metadata.dc.contributor.referee2: Borges, Leonardo Luiz
Resumo: A fadiga é um agravo a saúde silencioso e muita das vezes confundido com um simples cansaço, que vem acometendo os estudantes de medicina. Este estudo tem por objetivo analisar a influência da fadiga e suas manifestações em estudantes de medicina através de uma revisão integrativa da literatura científica. Trata-se de uma revisão integrativa de literatura científica. Foram usadas as bases de dados do PubMed e da Biblioteca Virtual da Saúde (BVS), sendo incluídos artigos publicados entre os anos de 2015 a 2020, obtendo uma amostra final de 10 artigos para serem avaliados. Os achados demonstraram que o sono prejudicado exerce influência significativa sobre a fadiga e que acadêmicos de medicina em geral possuem uma má qualidade de sono. A maioria dos estudos não obteve diferença significativa entre os gêneros, mas alguns encontraram prevalência de fadiga no gênero feminino. Observou-se também a influência da luz azul como fator prejudicial da qualidade do sono e, consequentemente, da fadiga. Como fatores causais, também foi encontrado que durante o curso de medicina a fadiga pode ocorrer devido a feedbacks negativos e como consequência de experiências negativas vivenciadas pelo estudante, o que afetaria inclusive sua satisfação com o trabalho. Ainda, foi demonstrado por outro estudo que a fadiga sem privação de sono afeta e compromete a memória clínica a curto prazo dos alunos de graduação. Identificou-se que os acadêmicos de medicina, mesmo vivenciando esse sintoma, tinham dificuldade em compreender e caracterizar a fadiga. A fadiga é um sintoma frequente e prejudicial entre estudantes de medicina. Foi encontrada relação entre uma qualidade de sono insatisfatória e a presença de fadiga entre os acadêmicos avaliados na maioria dos estudos analisados.
Palavras-chave: Estudantes de medicina
Faculdades de medicina
Síndrome de fadiga crônica
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da Instituição: PUC Goiás
metadata.dc.publisher.department: Escola de Ciências Médicas, Farmacêuticas e Biomédicas
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/2195
Data do documento: 22-Out-2020
Aparece nas coleções:TCC Medicina

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Artigo Final - Isabela & Lisa - Finalizado e Submetido.pdf185,06 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.

Ferramentas do administrador