PRODUÇÃO ACADÊMICA Repositório Acadêmico da Graduação (RAG) TCC Enfermagem
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/1362
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: Abordagem da Sexualidade em Idosos
Autor(es): Souza, Aline
Nunes, Adriana
Primeiro Orientador: Butrico, Gabriela
metadata.dc.contributor.referee1: Loreto, Rayana
metadata.dc.contributor.referee2: Mendonça, Livia
Resumo: INTRODUÇÃO. O envelhecimento populacional é um fenômeno global. O aumento substancial da expectativa de vida resultou no acréscimo do número de idosos com a vida sexual ativa. Assim, observa- se o aumento de casos de Infecção Sexualmente Transmissíveis (IST) na população idosa. Tornando imprescindível a realização da educação em saúde, que aborde a questão e sua implicação, para os idosos, com vista na promoção da saúde. Assim, o estudo irá subsidiar a formulação de estratégias preventivas e promotoras de saúde. Além de observar lacunas do conhecimento, irá subsidiar a questão de pesquisa do trabalho e questionamentos desenvolvidos em futuros estudos. Desse modo, justifica-se, a necessidade de uma revisão de literatura, a fim de conhecer, a partir da análise de estudos, instigando a temática que se retrata em artigos relacionados com tema, de forma que auxiliem os idosos a procurar orientação com profissionais de saúde, tendo em vista capacitação dos mesmos para que ocorra uma desmistificação futura entre o tema e a sociedade. OBJETIVO. Descrever o conhecimento da literatura cientifica sobre sexualidade em idosos. MÉTODO. Trata-se de uma revisão narrativa da literatura. A questão norteadora definida foi: Qual o conhecimento científico sobre sexualidade em idosos? O objetivo da estratégia de busca foi identificar os estudos relacionados a questão norteadora em duas bases de dados: Literatura Latino Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS) e Medical Literature Analysis and Retrieval System Online (MEDLINE). Como critérios de inclusão temos: Artigos de estudos com a temática Sexualidade em Idosos publicados, nos idiomas português, inglês e espanhol, entre os anos de 2009 a 2019 e textos completos. E como critérios de exclusão elencamos: Teses, dissertações, livros, artigos duplicados que já tenham sido utilizados em outra base de dados, notícias, editoriais, textos não científicos. Os descritores selecionados para a busca via Descritores em Ciências da Saúde (Decs), controlados foram: sexualidade (sexuality) e idosos (aged), idosos de 80 anos e mais (aged 80 and over) e saúde sexual (sexual Health). Sendo separados pelo operador booleano “AND” e “OR”. A análise de dados foi realizada de forma descritiva de todos os estudos selecionados ao final da busca na literatura. RESULTADOS. O total de 241 artigos foram identificadas, 221 foram excluídos por não atenderem aos critérios de inclusão e restaram 20 artigos para avaliação crítica e na integra. Em leitura final, foram excluídos 14 artigos que não contemplavam os critérios de inclusão refinados. Ao final para este estudo foram selecionados 6 artigos elegíveis. Ao analisar os títulos das publicações extraímos como palavras-chave principais utilizadas os seguintes descritores: Saúde do idoso, comportamento sexual, doença sexualmente transmissível, sexualidade, saúde sexual, “anciano”, qualidade de vida, “salud del anciano”, idoso, conceito de sexualidade, desejo sexual vivenciado no idoso, a prática sexual na medida que envelhecem e percepção de sua sexualidade, envelhecimento e educação em saúde. O tipo de estudo mais prevalentes foi de abordagem qualitativa do tipo descritivo exploratório e quantitativo, observacional, do tipo transversal analítico. Houve uma prevalência do sexo feminino, com média de idade de 60 a 79 anos, os principais locais de realização dos estudos foram na seguinte ordem por frequência considerando os seguintes países de publicação: 04 Brasil, 01 Cuba, 01 EUA. Foi identificado ainda que houve prevalência dos 3 idiomas definidos no critério de inclusão sendo eles: Inglês, português e espanhol. Quando avaliamos as revistas em que os artigos foram publicados temos descritas na tabela, por ordem alfabética as seguintes denominações: 01 artigo Revista Brasileira de Ciências da Saúde, 02 artigos Revista Brasileira de Geriatria Gerontologia, Rio de Janeiro, 01 artigo da Revista De Enfermagem Do Centro Oeste Mineiro, 01 artigo Journal of Sex & Marital Therapy e 01 artigo Medisan. Dos 6 artigos incluídos houve um prolongamento de publicações entre os anos de 2015 a 2019. CONSIDERAÇÕES FINAIS. Diante do exposto, acredita-se que a presente pesquisa possua uma grande relevância científica, devido à escassez literária, sendo um tema pouco explorado diante da diversidade de assuntos contidos. Observa-se como conclusão dos estudos que a sexualidade no idoso é vista com preconceitos gerais e que muitas vezes o profissional de saúde não está capacitado para abordar o assunto ou orientar o idoso a práticas da sexualidade de maneira segura. Assim sendo, este estudo constatou a necessidade de capacitação dos profissionais de maneira permanente, desde a formação técnica e acadêmica para que simplifique a abordagem sobre a temática para o público-alvo.
Palavras-chave: Idosos
Sexualidade
Elderly
sexuality
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::ENFERMAGEM::ENFERMAGEM MEDICO-CIRURGICA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da Instituição: PUC Goiás
metadata.dc.publisher.department: Escola de Ciências Sociais e da Saúde
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/1362
Data do documento: 29-Out-2020
Aparece nas coleções:TCC Enfermagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
TCC GABRIELA FINAL.pdf244,83 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.

Ferramentas do administrador