PRODUÇÃO ACADÊMICA Repositório Acadêmico da Graduação (RAG) TCC Medicina
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/4626
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: Padronização de Método Molecular para Avaliação da Diversidade Genética de Histoplasma capsulatum em Isolados do Centro-Oeste Brasileiro em PVHIV
Autor(es): Cardoso, Arthur Henrique da Costa
Primeiro Orientador: Soares, Renata de Bastos Ascenco
metadata.dc.contributor.referee1: Guimarães, Taiguara Fraga
metadata.dc.contributor.referee2: Godoy, Cassia Silva de Miranda
Resumo: O Histoplasma capsulatum trata-se de um fungo termodimórfico com distribuição geográfica global e alta diversidade genética. Causador da histoplasmose, doença essa que é de grande relevância para a população que vive com HIV/AIDS, posto que é a maior causa de morbimortalidade desses pacientes no continente americano. O presente estudo tem por objetivo elucidar por meio da padronização de método molecular a avaliação da diversidade genética e da presença de material genético pertencente ao fungo H. capsulatum através da extração de DNA das amostras de sangue periférico. Foram incluídos 14 pacientes randomicamente a partir de um projeto maior registrado no clinicaltrials.gov NCT04059770. O procedimento de extração de DNA das amostras desse estudo foi realizado conforme procedimento de Guha et al., 2016. A quantificação e a pureza dos ácidos nucléicos extraídos das amostras de sangue foram mensuradas com o auxílio de um Espectrômetro de pedestal. Todas as etapas foram confirmadas por eletroforese em agarose 1%. Para obtenção por PCR de fragmentos de DNA das amostras de aproximadamente 1000 pares de bases, as sequências de oligonucleotídios 5’-CTTGGTCATTTAGAGGAAGTAA-3’ e 5’-CCGTGTTTCAAGACGGG-3’, denominadas OligoITS1F e OligoLR3, descritas por Raja et al., 2017 . Com o objetivo de melhorar a sensibilidade do método de PCR da região universal fúngica, os amplicons de PCR de 1000pb foram submetidos novamente a PCR. Porém, para se afirmar de que se trata do fungo H. capsulatum faz-se necessário a confirmação por sequenciamento de DNA. A análise das sequências por comparação às sequencias depositadas no banco de dados do GeneBank nos fornece a homologia para validação dos resultados com as amostras clínicas. Mais interessante e oportuno, ao se discutir a diversidade de possíveis manifestações da histoplasmose não é possível que se negligencie um papel em que a diversidade genética do fungo pode exercer sobre a clínica apresentada. Sabe-se que no Brasil, circulam nove grupos genéticos de Histoplasma capsulatum conhecidos: LAm A, LAm B, LAm C, LAm D, LAm E, RJ, L, BrHC1 e BrHC3. A diversidade genética apresentada pelo patógeno não apenas possibilita prováveis manifestações clínicas diferentes, mas também dupla infecção por fungos de genótipos diferentes em um mesmo hospedeiro. Esta etapa do nosso trabalho ainda está em andamento.
Abstract: Histoplasma capsulatum is a dimorphic fungus with global geographic distribution and high genetic diversity. Etiological agent of histoplasmosis, a disease that is of great relevance for the population living with HIV/AIDS, since it is the biggest cause of morbidity and mortality of those patients in the American continent. The present study aims to elucidate, through the standardization of molecular method, the evaluation of genetic diversity and the presence of genetic material belonging to the fungus H. capsulatum through the extraction of DNA from peripheral blood samples. We enrolled 14 patients randomly from a larger project registered at clinicaltrials.gov NCT04059770. The DNA extraction procedure from the samples of this study was performed according to the procedure of Guha et al., 2016. The quantification and purity of the nucleic acids extracted from the blood samples were measured with the aid of a pedestal spectrometer. All steps were confirmed by electrophoresis in 1% agarose. To obtain DNA fragments from the samples of approximately 1000 base pairs by PCR, the oligonucleotide sequences 5'-CTTGGTCATTTAGAGGAAGTAA-3' and 5'-CCGTGTTTCAAGACGGG-3', named OligoITS1F and OligoLR3, described by Raja et al., 2017 . In order to improve the sensitivity of the fungal universal region PCR method, the 1000bp PCR amplicons were resubmitted to PCR. However, to confirm that it is the fungus H. capsulatum, confirmation by DNA sequencing is necessary. The analysis of the sequences by comparison with the sequences deposited in the GeneBank database provides us with the homology for validating the results with the clinical samples. More interesting and opportune, when discussing the diversity of possible manifestations of histoplasmosis, it is not possible to neglect a role that the genetic diversity of the fungus can play in the presented clinic. It is known that in Brazil, nine known genetic groups of Histoplasma capsulatum circulate: LAm A, LAm B, LAm C, LAm D, LAm E, RJ, L, BrHC1 and BrHC3. The genetic diversity presented by the pathogen not only makes possible different clinical manifestations, but also double infection by fungi of different genotypes in the same host. This stage of our work is still in progress.
Palavras-chave: PVHIV
Histoplasmose
diagnóstico molecular
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA::CLINICA MEDICA::DOENCAS INFECCIOSAS E PARASITARIAS
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da Instituição: PUC Goiás
metadata.dc.publisher.department: Escola de Ciências Médicas e da Vida
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/4626
Data do documento: 29-Jun-2022
Aparece nas coleções:TCC Medicina

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
TCC - Arthur Henrique Cardoso-versao deposito.pdf2,28 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.

Ferramentas do administrador