PRODUÇÃO ACADÊMICA Repositório Acadêmico da Graduação (RAG) TCC Ciências Contábeis
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/3937
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: Análise da relação entre os indicadores econômicos de distribuição de riqueza e ESG do Setor de Consumo da B3, no período de 2014-2021.
Autor(es): Silva, Vycttor Ataide da
Primeiro Orientador: Oliveira, Elis Regina de
metadata.dc.contributor.referee1: Ferreira Neto, Brasilino José
metadata.dc.contributor.referee2: Gonçalves, Roberto Ribeiro
Resumo: Fundamentado pela Teoria dos Stakeholders, este artigo objetiva identificar a associação entre indicadores de desempenho econômico; de geração e de distribuição de riqueza (DVA); e ambientais, sociais e de governança corporativa (ESG), para empresas listadas nos Setores de Consumo, no período de 2014 a 2021. Utilizaram-se as técnicas de pesquisa quantitativa, descritiva e documental, com amostra composta por dez empresas, tendo como principal limitante do tamanho da amostra a disponibilização de dados ESG. Em média, a distribuição de riqueza beneficiou, principalmente, pessoal (34,10%) e governo (21,75%), com menores coeficientes de variabilidade; houve lucratividade e rentabilidade positivas no período; e os Setores de Consumo apresentaram bom desempenho e grau médio de transparência, quanto à divulgação de dados ESG. A evolução anual do ESG indica crescimento constante, porém sem mudança de faixa, exceto para a componente social que subiu de 49,26 para 54,10 pontos, em 2015; e reduziu de 61,75 para 60,09 em 2020, subindo para 62,64 em 2021. Observou-se associação positiva e significativa entre indicadores DVA e rentabilidade e lucratividade, exceto distribuição de riqueza com pessoal e capital de terceiros, que foram inversas. A componente ambiental está associada inversa e significativamente com distribuição de riqueza com pessoal; enquanto a componente social está correlacionada positivamente com pagamento de tributos (governo). A componente ambiental, também, apresentou relação significativa e inversa com margem bruta. Este estudo contribui com a literatura nacional ao evidenciar a relação entre indicadores da DVA e ESG.
Abstract: Based on the Stakeholder Theory, this article aims to identify the association between economic performance indicators; wealth generation and distribution (DVA); and environmental, social and corporate governance (ESG) for companies listed in the Consumer Sectors, from 2014 to 2021. Quantitative, descriptive and documentary research techniques were used, with a sample composed of ten companies, with the main sample size limiting the availability of ESG data. On average, wealth distribution benefited mainly personnel (34.10%) and government (21.75%), with a lower coefficient of variability, respectively; there was positive profitability and profitability in the period; and the Consumer Sectors showed good performance and an average degree of transparency regarding the disclosure of ESG data. The annual evolution of the ESG indicates constant growth, but with no change in range, except for the social component, which rose from 49.26 to 54.10 points in 2015; and reduced from 61.75 to 60.09 in 2020, rising to 62.64 in 2021. A positive and significant association was observed between DVA indicators and profitability and profitability, except for wealth distribution with personnel and third-party capital, which were inverse. The environmental component is inversely and significantly associated with the distribution of wealth with personnel; while the social component is positively correlated with tax payments (government). The environmental component also showed a significant and inverse relationship with gross margin. This study contributes to the national literature by highlighting the relationship between VAD and ESG indicators.
Palavras-chave: Valor Adicionado
DVA
Indicador ambiental, social e governança corporativa
Responsabilidade social corporativa
Added value
DVA
Environmental, social and corporate governance indicator
Corporate social responsibility
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de Goiás
Sigla da Instituição: PUC Goiás
metadata.dc.publisher.department: Escola de Direito, Negócios e Comunicação
Tipo de Acesso: Acesso Restrito
URI: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/3937
Data do documento: 10-Jun-2022
Aparece nas coleções:TCC Ciências Contábeis

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Vycttor Ataide da Silva versão final.pdf
  Restricted Access
1,18 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.

Ferramentas do administrador