PRODUÇÃO ACADÊMICA Repositório Acadêmico da Graduação (RAG) TCC Ciências Biológicas - Modalidade Médica
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/3014
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorPinto, Tatiele Berberino-
dc.creatorSilva, Danieli Andressa da-
dc.date.accessioned2021-12-16T03:03:40Z-
dc.date.available2021-12-16T03:03:40Z-
dc.date.issued2019-05-21-
dc.identifier.urihttps://repositorio.pucgoias.edu.br/jspui/handle/123456789/3014-
dc.description.abstractFibro Gelloid Edema (FGE) is a common skin disorder and of great importance for most women, from puberty. It presents complex and multifactorial etiopathogenesis, causing aesthetic disorders, pain, psychological and social problems. There are a number of invasive and non-invasive aesthetic features and treatments available to treat this dermato-functional dysfunction such as: radiofrequency, carboxytherapy, shock-wave-based devices, therapeutic ultrasound, associated or not with pharmacological agents, manual lymphatic drainage, endermology and vacuotherapy. A bibliographic review was carried out in the Portal Capes and PubMed virtual databases of studies addressing the aesthetic treatment of FGE, published between 2009 and 2018. The objective of this literature review was to address the importance and efficacy of invasive esthetic therapies and used in the treatment of FGE. It was concluded that the association between two or more esthetic therapies was more effective for improving the appearance of the skin and the FGE frame than using only one therapy alone. However, there are studies with a lack of standardization of the techniques and methods of evaluation of the results obtained, making it difficult to infer about the levels of evidence and efficacy of the therapies. There is a need to investigate whether certain therapies using electromagnetic radiation can safely be used in all areas of the body as well as in all patient populations. To stimulate changes in the patients' lifestyle, as well as new investigations on the subject with appropriate methodological designs are essential.pt_BR
dc.description.sponsorshipNão recebi financiamentopt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherPontifícia Universidade Católica de Goiáspt_BR
dc.relationRecursos dos próprios autores.pt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectFibro edema gelóidept_BR
dc.subjectCelulitept_BR
dc.subjectEstéticapt_BR
dc.subjectTratamentopt_BR
dc.titleTratamento estético do fibro edema geloide: uma revisão de literaturapt_BR
dc.title.alternativeAesthetic treatment of gynoid lipodystrophy: a literature reviewpt_BR
dc.typeTrabalho de Conclusão de Cursopt_BR
dc.contributor.advisor1Rocha Sobrinho, Hermínio Maurício da-
dc.contributor.advisor1IDhttps://orcid.org/0000-0002-7521-3700pt_BR
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/5573574130526137pt_BR
dc.contributor.referee1Souza, Cláudia Maria Duque de-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2589362108348641pt_BR
dc.contributor.referee2Nascente, Flávia Martins-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/5939059038842043pt_BR
dc.description.resumoO Fibro Edema Geloide (FEG) constitui uma alteração cutânea comum e de grande importância para a maioria das mulheres, a partir da puberdade. Apresenta etiopatogenia complexa e multifatorial, causando transtornos estéticos, problemas álgicos, psicológicos e sociais. Existem diversos recursos e tratamentos estéticos invasivos e não invasivos disponíveis para tratar esta disfunção dermato-funcional, tais como: radiofrequência, carboxiterapia, dispositivos baseados em ondas de choque, ultrassom terapêutico, associado ou não a agentes farmacológicos, a drenagem linfática manual, e o microagulhamento. Foi realizada uma revisão bibliográfica nas bases de dados virtuais Portal Capes e PubMed, de estudos que abordavam o tratamento estético do FEG, publicados no período de 2009 a 2018. O objetivo desta revisão de literatura foi abordar a importância e eficácia das terapias estéticas invasivas e não invasivas utilizadas no tratamento do FEG. Concluiu-se que a associação entre duas ou mais terapias estéticas foi mais eficaz para a melhora da aparência da pele e do quadro do FEG do que utilizando-se apenas uma terapia isolada. Entretanto, há estudos com falta de padronização das técnicas e métodos de avaliação dos resultados obtidos, dificultando inferências a cerca dos níveis de evidência e eficácia das terapias. Há necessidade de se investigar se determinadas terapias utilizando-se radiações eletromagnéticas podem ser usadas, com segurança, em todas as áreas do corpo, bem como em todas as populações de pacientes. Portanto, estimular mudanças no estilo de vida dos pacientes, assim como, novas investigações sobre o tema com desenhos metodológicos adequados são imprescindíveis.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEscola de Ciências Médicas, Farmacêuticas e Biomédicaspt_BR
dc.publisher.initialsPUC Goiáspt_BR
dc.subject.cnpqCNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::MEDICINA::CLINICA MEDICA::DERMATOLOGIApt_BR
dc.relation.references1. Kruper T, Edna C. Mecanismo de ação de compostos utilizados na cosmética para o tratamento da gordura localizada e da celulite. Revista Saúde e Pesquisa, v. 5, n. 3, p. 555-566, set/dez, 2012. 2. Borges FS, Scorza FA. Terapêutica em Estética – Conceitos e Técnicas. Phorte Editora Ltda, Ed. 1, p. 584, 2016. 3. Pérez FM, et al. Evidence-based treatment for gynoid lipodystrophy: A review of the recent literature. Journal Cosmetic Dermatology, v. 17, n. 6, p. 977-983, 2018. 4. Hexsel DM, et al. A bipolar radiofrequency, infrared, vacum and mechanical massage device for treatment of celulite: A pilot study. Journal of Cosmetic and Laser Therapy, v. 13, n. 6, p. 297-302, 2011. 5. Khan MH, et al. Treatment of celulite. J Am Acad Dermatol, v. 62, n. 3, p. 373-384, 2010. 6. Cruz KB, et al. Efeito do ultrassom terapêutico na comparação das técnicas direta e fonoforese com gel de cafeína no tratamento do fibro edema geloide. J Health inst. v. 33, n. 3, p. 259-63, 2015. 7. Nascimento CF, Araujo ES. Terapia combinada ultrassom associado a corrente aussie no tratamento do fibro edema geloide. Revista Multidiciplinar de Estudos Científicos em Saúde, v. 2, n. 3, p. 3-6, 2017. 8. Almeida AF, et al. Avaliação do efeito da drenagem linfática manual e do ultrassom no fibro edema geloide. Revista Brasileira de Ciências e Saúde v. 9, n. 28, p. 31-37, abr/jun 2011. 9. Santana AP, Uchoa EPBL. Avaliação fisioterapêutica em mulheres com fibro edema gelóide emu ma clínica na cidade do Recife-PE. Revista Inspirar – movimento e saúde, v. 7, n. 4, p. 20-28, OUT/NOV/DEZ, 2015. 10. Gouveia L, et al. Atuação da endermoterapia/vacuoterapia no tratamento do fibro edema geloide – Revisão de literatura. Revista Saúde em Foco, ed. 10, p. 560-568, 2018. 11. Silva RMV,et al. Correlação entre fibro edemagelóide e dosagem de estradiol. Catussaba – revista cientifica da escola da saúde, n. 1, ano 2, p. 25-34, 2012. 12. Pedroso MNM, et al. Estudo comparativo entre drenagem linfática manual e ultrassom terapêutico no fibro edema gelóide. Revista de divulgação cientifica da ULBRA Torres, v. 1, 2017. DOI: https://doi.org/10.21115/cinter.v13i3.3990. 13. Santos IMNR, et al. Hidrolipodistrofia ginoide: aspectos gerais e metodologias de avaliação da eficácia. Arquivos Brasileiros de Ciências da Saúde, v. 36, n. 2, p. 85-94, mai/ago, 2011. 14. Silva RMV, et al. Correlação entre fibro edemagelóide e dosagem de estradiol. Catussaba – revista cientifica da escola da saúde, n. 1, ano 2, p. 25-34, 2012. 15. Cunha MG, et al. Fisiopstologia da lipodistrofia ginoide. Surg Cosmet Dermatol v. 7, n. 2, p. 98-103, 2015. 16. Capellazzo R, et al. A aplicação do ultrassom terapêutico no tratamento do fibro edema gelóide. Anais Eletrônico, n. 9, p. 4-8, nov. 2015. 17. Lima CC, et al. Métodos diagnósticos e tratamentos do fibro edema gelóide: uma revisão bibliográfica. Revista Conexão Eletrônica – Três Lagoas, MS, v. 13, n. 1, 2016. 18. Faresi F, Galadari H. Mesotherapy:myth and reality. Expert Review of Dermatology, v. 6, n. 2, p. 157-162, 2011. 19. Ramos MCG, et al. Celulitis: tratamento combinado con mesoterapia, láser y radiofrecuencia. Dermatologia Cosmética, Médica y Quirúrgica, v. 13, n. 1. p. 13-19, 2014. 20. Sylwia M, Krzysztof MR. Efficacy of intradermal mesotherapy in cellulite reduction - conventional and high frequency ultrasound monitoring results. Journal of Cosmetic and Laser Therapy, v. 19, n. 6, p. 320-324, 2017. 21. Machado RM. Emprego da Carboxiterapia no manejo do fibro edema gelóide, cicatrizes atróficas e flacidez de pele. Journal of Applied Pharmaceutical Sciences – JAPHAC, v. 1, n. 2, p. 29-35, 2014. 22. Pianez R, et al. Effectiveness of carboxytherapy in the treatment of cellulite in healthy women: a pilot study. Clin Cosmet Invest Dermatol. v. 9: p.183-190, 2016. 23. Klayn AP,et al. Microagulhamento como agente potencializador da permeação de princípios ativos corporais no tratamento de lipodistrofia localizada: Estudo de casos. Encontro Internacional de Produção Científica, n. 8, Maringá-Paraná. Anais Eletrônico editora CESUMAR, 22-25 de Outubro, 2013. 24. Garcia ME. Microagulhamento com Drug Delivery: um tratamento para LDG. Dissertação (Mestrado em Dermatologia) Faculdade de Medicina do ABC, Serviço de Dermatologia, Junho de 2013. 25. Machado ATO. Benefícios da massagem modeladora na Lipodistrofia localizada. Id on Line revista multidisciplinar e de psicologia, v. 11, n. 35, p. 542-553, maio, 2017. 26. França IC, et al. Eficácia da tecnica de massagem modeladora para redução de adiposidades e do fibro edema gelóide. Atas de ciências da saúde, São Paulo, v. 4, n. 2, p. 23-30, abr/jun 2016. 27. Farinha SS, Lima TA. Tratamento da fibro edema ginóide com o uso do aparelho de ultrassom e massagem modeladora. Revista terra e cultura, ano 31, ed. Especial, p. 123-130, 2015. 28. Brandão DM, et al. Avaliação da técnica de drenagem linfática manual no tratamento do fibro edema geloide em mulheres. ConSientiae Saúde, v. 9, n. 4, p. 618-624, 2010. 29. Soares NS, et al. Efeitos da Drenagem Linfática Manual Através da Técnica de Leduc No Tratamento do Fibro Edema Gelóide: Estudo de Caso. Revista Saúde.com, v. 11, n. 2, p. 156-161, 2015. 30. Sartori DVB, et al. Verificação da eficácia da radiofrequência em mulheres com fibro edema geloide em região do glúteo. Movimento & Saúde – Revista Inspirar, ed. 41, v. 12, n. 1, p. 11-16, jan/mar, 2017. 31. Inacio R F, et al. Analise comportamental do tecido adiposo frente ao tratamento de radiofrequência: revisão bibliográfica. Revista saúde em foco, n. 9, p. 248-256, 2017. 32. Abe HT, Ferreira LL. Tratamento do fibro edema geloide com radiofrequência. Revista pesquisa em fisioterapia, v. 4, n. 3, p. 206-214, 2014. 33. FABI SG. Noninvasive skin tightening: focus on new ultrasound techniques. Clin Cosmet Investig Dermatol. v. 8, p. 47–52, 2015. 34. Kapoor, R, et al. Use of a novel combined radiofrequency and ultrasound device for lipolysis, skin tightening and cellulite treatment. Journal of Cosmetic and Laser Therapy, v. 19, n. 5, p. 266-274, 2017. 35. Schlaudraff K, et al. Predictability of the individual clinical outcome of extracorporeal shock wave therapy for celulite. Clin Cosmet Dermatol, v. 7, p. 171-183, may/2014. 36. Filippo AA, Salomão AJ. Tratamento de gordura localizada e lipodistrofia ginóide com terapia combinada: radiofrequência multipolar, LED vermelho, endermologia pneumática e ultrassom cavitacional. Surgical & Cosmetic Dermatology, v. 4, n. 3, p. 241-246, 2012. 37. Silvestre CP, Zanon CS. O uso do ultra-som associado com a drenagem linfática manual no tratamento do fibro edema gelóide. Ágora: Revista de Divulgação Científica, v.16, n. 2, p. 93-104, 2009. 38. Bravo BSF, et al. Tratamento da lipodistrofia ginoide com radiofrequência unipolar: avaliação clínica, laboratorial e ultrassonográfica. Surg Cosmet Dermatol, v. 5, n. 2, p. 138-144. 39. Siqueira KS, Maia J.M. Aplicação do ultrassom terapêutico de alta potência no tratamento da lipodistrofia ginóide. XXIV Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica, p. 206-209, 2014.pt_BR
dc.degree.graduationMedicina-
dc.degree.levelGraduação-
Aparece nas coleções:TCC Ciências Biológicas - Modalidade Médica

Arquivos associados a este item:
Arquivo TamanhoFormato 
Artigo FEG Tatiele e Daniele 2019.pdf429,52 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.

Ferramentas do administrador